Aquarius (2016)

  • 9 de abril de 2017
  • 115

Poster

Título Original: Aquarius
Título no Brasil: Aquarius
Direção: Kleber Mendonça Filho
Gênero: Drama
Ano de Lançamento: 2016
Duração: 142 min
País: Brasil

Sinopse: Clara, 65 anos de idade, é uma escritora e crítica de música aposentada. Ela é viúva, mãe de três filhos adultos, e moradora de um apartamento repleto de livros e discos no Bairro de Boa Viagem, num edifício chamado Aquarius. Interessada em construir um novo prédio no espaço, os responsáveis por uma construtora conseguiram adquirir quase todos os apartamentos do prédio, menos o dela. Por mais que tenha deixado bem claro que não pretende vendê-lo, Clara sofre todo tipo de assédio e ameaça para que mude de ideia.


BRRip - 1.07 Gb
Download

compartilhe  :)

83 Comentários

  1. Augusto - 4 de novembro de 2016

    Maravilha! Por favor, continuem upando filmes!!!

  2. Tiago - 4 de novembro de 2016

    Ufa! Já estava preocupado, há tempos não via o site atualizado! Que bom que voltaram, e com tudo! Valeu por disponibilizarem o filme. Não sumam! Por favor!

  3. Vinícius - 4 de novembro de 2016

    Parabéens! Vocês arrasam!!!

  4. carol - 4 de novembro de 2016

    oi galera que faz o site vocês arrasam!!!!
    vou aproveitar a oportunidade pra pedir se possível colocarem o novo filme da artista marina abromovic, espaço além, em inglês the space in between, ela tomou ayahuasca aqui onde moro com um conhecido e fiquei bem curiosa pra ver o resultado. valeu

  5. Mishima - 4 de novembro de 2016

    Rapaz, também estava receoso: atualizava o sítio até 2 vezes por dia só pra ver se já tinham voltado. oO

  6. IZABEL SOARES - 4 de novembro de 2016

    Muito obrigada. Estava muito tensa por causa da falta de atualização. Felicidades, resistência e permanência!!!

  7. Osvaldo Colarusso - 5 de novembro de 2016

    Poxa. Que bom o site voltar a ser atualizado. Muito obrigado por seu empenho

  8. Henrique Oliveira - 5 de novembro de 2016

    Valeu Ursinho, surpresa em dobro!

  9. Walter Gomes - 5 de novembro de 2016

    Até onde eu sei, esse filme não teve boa aceitação do público e da crítica especializada!

    De qualquer forma, valeu por postar, pois não deixa de ser uma curiosidade!

  10. Henrique Pimentel - 5 de novembro de 2016

    Muito pelo contrário Walter. Esse filme está sendo muito bem aceito por onde passa. Houve um claro boicote ao filme por parte da mídia aqui no Brasil, por isso essa sensação de não aceitação por parte do publico e da critica. Mas é um filme fantástico! Sonia Braga está espetacular.

    (96%) de aprovação do Rotten Tomatoes
    https://www.rottentomatoes.com/m/aquarius

    (85%) de aprovação no Metacritic
    http://www.metacritic.com/movie/aquarius

  11. Queniel - 5 de novembro de 2016

    Muito obrigado!!!
    Estava ansioso por esse filme!!! 🙂

  12. Ian - 5 de novembro de 2016

    Bom dia! Quero agradecer sincera e honestamente ao adm pelo acervo disponível.

  13. Luís E. D. Silva - 5 de novembro de 2016

    Walter, não teve aceitação do público e da crítica mais especializada em que exatamente?

  14. shabondama - 5 de novembro de 2016

    Obrigada, Ursinho!

  15. Pedro Miguel - 6 de novembro de 2016

    boa ursinhoooo !!!

  16. erika - 6 de novembro de 2016

    Meu Deus, eu estava louca procurando esse filme.
    Vocês são demais mesmo, maravilhosos
    Obrigada!!

  17. Santiago H. - 6 de novembro de 2016

    Obrigado, queria mto ver esse filme.

  18. Marcelo Lima - 6 de novembro de 2016

    A imagem está condensada.

  19. Gabriel - 6 de novembro de 2016

    Nao estou acreditando, muito obrigado por compartilhar este filme!

  20. willian - 7 de novembro de 2016

    Acho que eu sou um péssimo entendedor de filmes, pois achei o filme totalmente enfadonho, cansativo, insosso, longo demais em cenas desnecessário e curtas em cenas que trazem alguma luz ao filme.

    • Rodrigo Souza - 7 de novembro de 2016

      Se for igual ao anterior do Kleber Mendonça Filho vai ser isso mesmo. “O Som ao Redor”, na minha opinião, tem exatamente essa pegada sem graça. Sou incentivador do cinema nacional. Faço propaganda mesmo, indico, pago ingresso, vou a cada lançamento que vejo cartaz, mas sinceramente, “O Som ao Redor” é bem ruim. Não sei porque raios os roteiristas aqui não fazem climax e finalizam as histórias… “Casa Grande”, “Amarelo Manga”, “Viajo porque preciso, voltei porque te amo”, “A Festa da Menina Morta” e alguns outros… Sofrem do mesmo problema técnico. Pouco conflito, conflitos fracos, desfechos de conflitos mais fracos ainda ou inexistentes. Eles deixam que a pessoa fique imaginando o que pode ter acontecido e na boa… O brasileiro não está acostumado a isso. A história tem que ser finalizada. Como nas produções estrangeiras. Os argentinos estão fazendo cinema muito bem e nós, ainda estamos engatinhando em fazer filme para massa. Vou assistir esse e ver o que o Kleber Mendonça Filho fez desta vez. Tomara que não seja um “O Som ao Redor – Parte II”.

      • Marcos Nunes - 8 de novembro de 2016

        Quando se faz cinema enquanto arte, não se faz cinema para as massas, se faz cinema.

      • Dannyel Barros - 8 de novembro de 2016

        Nossa!
        Mermão, cinema para as massas já existe, inclusive no mercado nacional.
        Deixa quem quer fazer o que ama fazer como tem que ser! E se o brasileiro não tá pronto pra isso, como prepará-los, senão com a prática?
        Fazer climáx? Fazer pra quê? Vc já vai pro cinema sabendo como o filme será. Tu não acha estranho pedir pra pagar por um filme onde vc já sabe o que vai acontecer?

        • willian - 8 de novembro de 2016

          Meu caro Dannyel, vc já comeu arroz sem sal? esse é meu resumo do filme, totalmente insosso, pode até não ter o tal clímax, mas precisa ter ao menos uma história interessante, não sei nem classificar o gênero do filme, drama? Suspense? Musical? Noir? Romance? Que diabos vc classificaria o gênero desse filme?

          • Lucas - 10 de novembro de 2016

            Isso é falta de bagagem cinematográfica. O cineasta não tem que encaixar seu filme em um gênero ou um a um estilo que seja padrão. No cinema mundial existe muitos diretores autorais, cada um com seu modo de filmar, cada um com sua arte. Se os filmes fossem todos de um jeito só, não teria graça nenhuma,. Por isso, veja filmes como se fossem quadros,: aprecia a beleza, veja sob diferentes aspectos, capte a mensagem que o artista quis passar nos pequenos detalhes e interprete a história num contexto maior e não literal.

        • Armando A Madeira - 12 de novembro de 2016

          Me lembra a “arte” de um compositor pernambucano, cantando para Ariano Suassuna: “em volta do buraco tudo é beira / é Bohr! É Ruthefor! …”. Ariano Susssuna é que “não estava preparado para entender o “artista”, não?

      • Lucas - 14 de novembro de 2016

        Mas não é apenas roteiro linear que é agradável ou bom. Cada roteiro tem um objetivo… Não é porquê o filme não segue um padrão que ele será ruim. Na verdade, em contra partida a sua opinião, eu acho “O Som Ao Redor”, “Amarelo Manga”, “Casa Grande”, dentre outro, ótimos filmes nacionais. Algumas pessoas estão, realmente, habituadas com conduções lineares de roteiro, outras gostam de cinema desconstruído, eu, particularmente, gosto de ambos. Ah, e se isso lhe importar tanto, assista aos curtas do Kleber Mendonça Filho, há alguns que tem o roteiro bem tradicional, não lhe tirará da sua zona de conforto e condicionamento como espectador. Abraços! 🙂

  21. Fábio Henrique - 7 de novembro de 2016

    Deixo aqui meu elogio ao compartilhamento desse filme, o qual vem sendo alvo de patrulha pela direita retrógrada que tomou conta do Brasil. Muito obrigado!

  22. Marcos Nunes - 7 de novembro de 2016

    O problema de Aquarius é ter uma gramática que pode afastar os espectadores de cinema norte-americano, considerando-a “inacessível”. Mas trata-se de um grande filme que parte do prazer como plataforma política e feminista em contraposição à ordem patriarcal e machista que condena a totalidade dos povos à submissão ao imperativo do lucro, e para isso constrói pífias “democracias” que servem apenas como álibi para a execução de seu programa econômico que depaupera não apenas as relações humanas, como também as ecológicas. Entre o sexo libertário e o poder liberticida, Aquarius tece sua crítica sem reduzir o alcance político da aventura existencial humana.

  23. daniel - 7 de novembro de 2016

    Alguém conseguiu baixar? Quando baixo no uTorrent, o arquivo não reproduz.

  24. Aline Maciel - 8 de novembro de 2016

    Nossaaaaa…. Estou muito feliz !!!
    Obrigada filmes cult <3

  25. Sandra - 9 de novembro de 2016

    Olá. Eu estou tentando baixar Aquarius. Já criei uma conta no Mega, mas não estou conseguindo. Só tem esse link pra baixar?

  26. Mau - 9 de novembro de 2016

    Olá. Curto muito os filmes, mas ao ler a sinopse lembra muito o filme de animação “UP!” e creio que este filme nao seja totalmente original.

  27. Rafael Elpes - 12 de novembro de 2016

    Achei um ótimo filme. Maduro.

  28. francisco pedro - 13 de novembro de 2016

    Vai ser disponibilizado em melhor qualidade?

  29. Renato - 14 de novembro de 2016

    O filme é muito ruim, agora entendo a necessidade de criarem a polêmica política para chamar atenção.

    • Rodrigo Souza - 16 de novembro de 2016

      Concordo plenamente. Filme péssimo. Chato, chato, chato e quando a gente pensa que vai ficar bacana, acaba com aquelas mensagens “cabeça” pra fazer o filme ficar cult. Kleber Mendonça Filho novamente se acovardando em propor um desfecho definitivo para as personagens. Tudo fica no ar. Ele prefere que o público tire suas conclusões e imagine o que aconteceu. É um monólogo chato e com final patético. O filme deveria se chamar “A chata vida de Clara”. Não sei qual é pior, “Som ao Redor” ou “Aquarius”.

    • claudio silva - 31 de janeiro de 2017

      Provavelmente já assistiu com todas as suas conviccoes politicas afloradas. Resumindo, poderia ser o melhor filme de todos os tempos e mesmo assim seria ruim. Pelo menos é o que dá entender pelas suas palavras, já que não foram dados os motivos para que o mesmo assim fosse classificado.

    • GILFER - 6 de janeiro de 2018

      E, com certeza financiado com dinheiro público nessa tal lei Rouanet, que nada mais é que uma sanguessuga do dinheiro público que financia vagabundos que se auto denominam “artistas”.

  30. Demialeco Lobos - 15 de novembro de 2016

    Vida longa ao criador e mantedores do site! E obrigado mais uma vez…

  31. Rubens Generoso - 19 de novembro de 2016

    Eu presenciei comentários plausíveis em relação à este filme, mas prefiro se dispor da minha própria análise, pois, se o filme é maduro ou chato, devemos nós mesmos extrair este conceito.

    Abraços, site sempre ativo e promissor, adoraria fazer alguma doação por conceber ótimos filmes desde minha mocidade.

  32. Geovane - 8 de janeiro de 2017

    Vi o filme,li alguns comentários, gosto é gosto, eu simplesmente amei o filme, independente do rumo político que seus atores e idealizadores tenham tomado. Não serei infantil e dizer por questões pessoais/politicas que o filme é ruim, enfim, minha análise do filme:
    A atuação da Sônia é estupenda;
    A forma como a câmera é posicionada em algumas cenas é genial;
    O sub-contexto do filme é essencialmente relevante.
    Não sou um daqueles que dizem “esse filme não é pras massas”, como se a “massa” fosse uma raça diferente ou inferior, apenas é um filme que pede atenção e conhecimento do contexto, não vejo isso como inteligência extraordinária, apenas atenção.

  33. Claudia - 24 de abril de 2017

    O link está dando erro

  34. Leonardo - 10 de agosto de 2017

    Estou tentando baixar mas ninguém fica de seed…

  35. Thiagocmn - 25 de setembro de 2017

    Os três links com “download now” não fazem download 🙁 Conserta por favor ursinho!!

  36. Flora - 30 de outubro de 2017

    esse formato BRRip assiste como??

  37. Eduardo - 6 de novembro de 2017

    Não está me redirecionando para o MEGA. Está me direcionando para o Zippy Share. O que faço?

  38. Capra - 13 de fevereiro de 2018

    Na minha opinião o filme não corresponde a toda a repercussão que teve. Porém, não é ruim, só não está à altura do que a crítica tem comentado.

  39. Isadora - 3 de março de 2018

    Ursinho, problemas no link 🙁

Deixe um comentário

SOBRE OS LINKS REMOVIDOS: Pessoal, mais uma vez, todos os nossos links foram derrubados. Ainda não sei o que farei após esse segundo nocaute. A princípio, pensei em reupar tudo paulatinamente, e daí comecei pelos filmes do Oscar, mas em pouco menos de 1 dia meu HD já pediu arrego.

Como vocês sabem, no processo de postagem eu sempre baixo um ou mais releases pra verificar quais as condições do arquivo. E esse uso excessivo (afinal, todos os releases postados acabam passando pelo meu HD) acaba, aos poucos, arruinando o HD. E agora, bem, eu preciso reaver mais de 5000 links quebrados.

Eu tinha um backup de todos os filmes, tudo arrumadinho, torrents e legendas separados em pastas por diretores, filmes, décadas, etc, mas, infelizmente, eu o perdi junto com o meu primeiro HD, quando ele foi pro saco. Não penso em encerrar o site dessa vez, até por conta do trabalho que esse danado já me deu, mas preciso de opções..

Pensei em colocar um botãozinho de doação no site, pra ver se consigo juntar o suficiente pra um novo HD. Enquanto isso, não sei o que farei a respeito dos links. Embora, sim, cuidarei da edição especial do Oscar, mesmo com esse problema.

Bem, é isso. Fico o aviso, pessoal. Agradeço a força e a compreensão de vocês.